A OBESIDADE

A obesidade é a acumulação excessiva de gordura no organismo. Considera-se obesidade quando o organismo possui acima de quinze por cento do peso considerado óptimo (o peso óptimo observa-se através da comparação entre peso e altura – IMC). Teoricamente, sempre que há uma ingestão de calorias (através dos alimentos) maior do que o gasto energético essas calorias em excesso serão armazenadas em forma de gordura nas células do panículo adiposo.

A obesidade é vista como a doença do século XXI pois além de ser crónica e a maior causa de mortalidade é uma doença totalmente evitável. Podemos apontar algumas das principais causas de morte devido a problemas directa ou indirectamente ligados à obesidade: os maus hábitos alimentares e inactividade física são certamente as principais.

TIPOS DE OBESIDADE

Existem dois tipos de obesidade a Andróide e a Ginóide.

A Andróide é mais característica nos homens. Apresentam um corpo em forma de maça. A obesidade andróide é caracterizada pela acumulação de gordura na parte superior do corpo. A maior parte da gordura localiza-se nas costas, barriga e braços, deixando as partes inferiores do corpo magras. Frequentemente esta obesidade está associada a hipertensão e problemas digestivos. O cansaço, a falta de ar e problemas cardíacos são uma constante neste tipo de obesidade. Na obesidade andróide, a gordura não se localiza somente entre a pele e os músculos. Ela também se encontra dentro da cavidade abdominal causando uma compressão interna nos órgãos, desta forma, o sedentarismo contribui para um aumento da circunferência abdominal, predispondo o indivíduo aos problemas cardíacos.

A Ginóide é a obesidade mais característica nas mulheres e o corpo apresenta-se em forma de pêra. A obesidade ginóide é caracterizada pelo excesso de gordura na porção inferior do corpo. A maior parte da gordura localiza-se nos quadris e coxas, deixando a parte superior do corpo magros. Frequentemente está associada a alterações circulatórias e hormonais. As varizes, dores nas pernas e edema, são uma constante neste tipo de obesidade.

OS FACTORES ASSOCIADOS À OBESIDADE

Os factores associados à obesidade são: Predisposição e componente genética (leptina e receptor de leptina), Dieta (consumo excessivo de alimentos calóricos), Sedentarismo, Medicação, factores Ambientais e Sócio-culturais.

Nos factores ambientais verificam-se os factores: Familiares (preferências étnicas alimentares, padrões alimentares inadequados, composição da dieta, níveis de actividade física); Dieta (ingestão excessiva de Kcal de forma passiva ou activa, aumento do tamanho das porções das refeições, aumento do conteúdo de gordura nos alimentos, maior densidade calórica, maior tempo de inactividade física associada a um aumento de consumo de alimentos); Actividade Física; Medicação; Stress e/ou Depressão.

4 thoughts on “A OBESIDADE

  1. É verdade tenho que concordar pois no referente. concordo com este item A Ginóide é a obesidade mais característica nas mulheres e o corpo apresenta-se em forma de pêra. A obesidade ginóide é caracterizada pelo excesso de gordura na porção inferior do corpo. A maior parte da gordura localiza-se nos quadris e coxas, deixando a parte superior do corpo magros. Frequentemente está associada a alterações circulatórias e hormonais. As varizes, dores nas pernas e edema, são uma constante neste tipo de obesidade.

    Gostar

  2. ggggggggggooooooooooooooossssssssssstttttttttttttttttttteeeeeeeeeeeeeeeiiiiiiiiiiii mmmmmmmmmmmmmmmuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuiiiiiiiiiiiiiiiiiitttttttttttooooooooooooo

    Gostar

Deixa uma ideia!

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s