AS URTIGAS

Urtiga significa em latim nada mais nada menos que “a que arde” e são conhecidas pelo seu efeito nefasto quando entram em contacto com a pele. As Urtigas crescem em climas temperados ou tropicais e podem ser encontradas facilmente no Mediterrânico e América do Sul.

As suas propriedades são conhecidas desde a antiguidade e por todo o mundo, desde a Grécia antiga até aos povos tribais da América do Sul. Faz assim parte do folclore mundial mas apesar de tudo, na generalidade, ninguém gosta delas.

As urtigas podem ter várias finalidades terapêuticas pois têm minerais e vitaminas como Vitaminas B1, B2, B3, B5, C, K, cálcio, ferro, magnésio, potássio e ainda são ricas em proteínas. São um analgésico, anti-inflamatório e diurético por excelência. Por todo o mundo as urtigas têm sido utilizadas para tratar e prevenir várias doenças através de infusão tónicos e chás. Mas as propriedades das urtigas não se ficam pela medicina natural. Vários laboratórios farmacêuticos já se renderam às propriedades desta planta e usam frequentemente os seus extractos no fabrico de medicamentos e loções. Continuar a ler

Anúncios